Manutenção de BikePasso a Passo

Como lubrificar a corrente de bicicleta?

Para todo ciclista, há práticas que devem ser incorporadas à sua rotina diária, sendo o cuidado com a bicicleta uma delas. A manutenção preventiva não só garante maior segurança durante o uso, mas também é crucial para prolongar a durabilidade do equipamento. Dentre esses cuidados, a lubrificação da corrente é essencial.

Adequar a corrente com a lubrificação ideal e mantê-la limpa são ações fundamentais para estender a vida útil da sua bicicleta, além de representar uma economia significativa a longo prazo. A boa notícia é que, com os utensílios adequados e um pouco de conhecimento, é possível cuidar da sua bike em casa, sem a necessidade de um profissional.

Este texto abordará a relevância de lubrificar corretamente a corrente e com que frequência essa manutenção precisa ser feita. Também ofereceremos um guia detalhado para que você consiga manter a corrente da sua bicicleta em ótimas condições por conta própria. Siga conosco!

Porque lubrificar a corrente de bicicleta?

A lubrificação da corrente de bicicleta não envolve grandes mistérios, mas é crucial para o bom funcionamento da bike. Ela atua diretamente na redução do atrito, na melhoria da suavidade nos movimentos e na proteção contra a corrosão. A corrente é composta por elos externos interligados por cilindros, e, durante o pedal, essas peças se movimentam e entram em contato umas com as outras.

Ao lubrificar a corrente, você facilita o deslizamento entre esses componentes, minimizando o atrito gerado. Mas os benefícios da lubrificação vão além: ela serve como uma barreira protetora do metal contra a umidade e o oxigênio, prevenindo a corrosão. Por isso, é essencial optar por lubrificantes de alta qualidade e de aplicação prática.

Escolhendo um bom lubrificante

É fundamental compreender que a lubrificação da corrente da bicicleta exige produtos específicos para esse fim. Priorize lubrificantes biodegradáveis que sejam menos nocivos ao meio ambiente.

Há quem questione sobre o uso do WD-40 tradicional como lubrificante para correntes de bicicleta, e a resposta é definitiva: não é recomendado. O WD-40 é um produto versátil, excelente para desbloquear mecanismos e repelir água, mas não foi formulado especificamente para bicicletas.

O problema em usá-lo é que, depois de apenas alguns quilômetros pedalando, a corrente pode ficar seca novamente. Isso destaca a importância de selecionar lubrificantes com maior viscosidade para essa tarefa.

Não por acaso, a WD-40 expandiu sua gama de produtos para incluir uma linha dedicada a lubrificantes para corrente de bicicleta, reconhecendo que a versão clássica não é adequada para essa aplicação.

Qual a frequência da lubrificação?

Um equívoco comum no universo do ciclismo é a prática de lubrificar a corrente da bicicleta após cada pedalada. Embora não exista uma norma estrita para isso, é essencial reconhecer que lubrificantes específicos para bicicletas são projetados para oferecer uma durabilidade considerável. Em média, um lubrificante de qualidade pode manter sua eficácia por aproximadamente 300 quilômetros.

Lubrificar a corrente excessivamente pode levar ao acúmulo indesejado de poeira, detritos e outras impurezas. Portanto, é aconselhável inspecionar a corrente regularmente, o que pode ajudar a determinar a necessidade de reaplicação do lubrificante. Prestar atenção a sons atípicos durante o pedal também pode ser um indicativo de que a corrente está necessitando de lubrificação.

Materiais Necessários

A lubrificação da corrente da bicicleta, embora seja uma tarefa simples, é frequentemente subvalorizada, tanto por ciclistas novatos quanto pelos mais experientes. Porém, uma lubrificação cuidadosa e periódica é crucial para manter a bike funcionando adequadamente e garantir a segurança do ciclista.

Para realizar uma limpeza e lubrificação eficazes, você precisará de:

  • Desengordurante para correntes;
  • Lubrificante específico para bicicletas;
  • Cera (opcional para proteção adicional);
  • Um pano limpo;
  • Escova apropriada para limpeza.

Observação Importante: Antes de lubrificar a corrente, é essencial que ela esteja completamente limpa. Aplicar lubrificante sobre uma corrente suja ou com resíduos de óleo antigo é contraproducente. Uma boa limpeza é fundamental para o sucesso do processo.

Como lubrificar a corrente de bicicleta: passo a passo!

COMO LUBRIFICAR A CORRENTE DE BICICLETA: PASSO A PASSO

Antes de começar, tenha em mente que limpar e lubrificar a corrente da sua bicicleta pode ser um processo um tanto quanto sujo. Por isso, é aconselhável usar vestimentas velhas ou que você não se importe em manchar.

Passo 1 – Limpeza profunda da corrente

Lubrificar uma corrente suja é ineficaz, então o primeiro passo é limpar corretamente. Com a bicicleta posicionada de cabeça para baixo, aplique desengordurante na corrente. Deixe o produto agir pelo tempo recomendado na embalagem. Após, enxágue com água, utilizando uma escova para esfregar e remover toda a sujeira acumulada. Enquanto faz isso, mova os pedais para garantir que todas as partes da corrente sejam limpas.

Passo 2 – Aplicando o lubrificante cuidadosamente

Com a corrente limpa, é hora de aplicar o lubrificante. O método de aplicação gota a gota é preferível ao spray, pois permite um controle mais preciso do produto. Aplique pacientemente uma gota de lubrificante em cada pino da corrente, garantindo que ele penetre bem nos cilindros internos. Este é um momento para praticar a paciência e a precisão.

Passo 3 – Distribuição do lubrificante

Após a aplicação inicial, distribua o lubrificante uniformemente ao longo da corrente, utilizando os dedos para espalhá-lo (o uso de luvas é recomendado para proteger suas mãos). Gire os pedais para assegurar uma cobertura completa. Finalize o processo removendo o excesso de lubrificante com um pano, evitando assim a atração de poeira e detritos adicionais.

Passo 4 – Aplicação de cera protetora

Como etapa final, considere aplicar uma camada de cera protetora sobre toda a corrente. Isso adiciona uma proteção extra, mantendo a corrente funcionando suavemente por mais tempo.

Com esses passos, sua corrente de bicicleta estará devidamente limpa e lubrificada, pronta para proporcionar um pedal mais suave e eficiente.

A lubrificação da corrente é uma operação bem simples, mas oferece vantagens muito grandes. Uma melhor suavidade, maior vida útil da corrente e também das outras peças da bike. Ou seja, não há desculpa para não o fazer!

Viu como alguns cuidados básicos são necessários para o bom funcionamento da sua bicicleta? O seguro também é muito importante, pois com ele você pode pedalar tranquilo e sem se preocupar com problemas. Faça agora mesmo uma simulação e veja como o Seguro Bike Registrada cabe no seu bolso. Confira!

 

Artigos relacionados
ComponentesManutenção de Bike

Guia completo de discos de freio a disco para bicicletas: Tudo o que você precisa saber

Os discos de freio a disco transformaram a forma como ciclistas de todas as modalidades controlam…
Leia mais
DicasManutenção de BikeModelos de Bicicleta

Guia completo de bicicletas dobráveis leves

As bicicletas dobráveis têm ganhado espaço no mercado por sua praticidade e versatilidade…
Leia mais
ComponentesManutenção de Bike

Descubra o banco largo ideal para você: Guia completo com dicas e recomendações

O que você vai ver nesse artigo Toggle IntroduçãoComo escolher o banco largo idealTrês…
Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *