Esporte e FitnessMTBPreparação e PráticaTreinos

Aprenda a usar a altimetria para calcular a dificuldade da pedalada

Pedalar é mais que mover a bicicleta; é entender a linguagem do ciclismo, onde “altimetria” é um termo chave. Ela avalia as variações de altura do terreno, essencial para antever desafios do trajeto, como subidas e suas inclinações.

Compreender a altimetria antes de pedalar afeta o ritmo, a força em diferentes trechos e quanto de suplementos e água levar. Isso destaca a importância de um estudo cuidadoso da altimetria, essencial na preparação e estratégia de cada pedalada.

O que é altimetria no ciclismo?

altimetria

A altimetria, ou ganho de elevação, registra a variação vertical entre início e fim de um trajeto de bicicleta, revelando a quantidade de metros escalados em rotas sinuosas.

Este cálculo compara a elevação entre dois ou mais pontos, indicando o total de ascensões, excluindo as partes planas. Importante para diversos profissionais, incluindo ciclistas e geógrafos, a altimetria ajuda a entender o relevo a ser percorrido.

Ela está diretamente ligada à inclinação das subidas, onde maiores inclinações significam desafios adicionais. Conhecer a altimetria e a inclinação média é crucial para planejar a pedalada, adaptando-a ao nível de preparo físico e às expectativas de intensidade.

Para ciclistas urbanos, de trilhas ou competidores, entender a altimetria permite ajustar a intensidade do percurso ao condicionamento físico e ao tipo de bicicleta, considerando a exigência do solo em cada trajeto.

Altimetria x altitude

Embora “altimetria” e “altitude” soem similares, representam conceitos distintos, embora correlacionados.

A altitude refere-se à distância vertical de qualquer ponto até uma superfície de base, geralmente medida em linha reta perpendicular ao solo, com o nível do mar servindo como referência padrão.

Por outro lado, a altimetria envolve a medição do desnível vertical em relação à distância horizontal de um percurso, ou seja, a variação de elevação entre um ponto de referência plano e a altitude de uma área.

Assim, enquanto a altitude foca na medição vertical pura a partir do nível do mar, a altimetria considera as variações de elevação ao longo de um trajeto, sem se limitar a uma referência única.

Como calcular

Aferir a altimetria é crucial para entender as subidas de um trajeto e suas inclinações. Após mensurar a rota, o ciclista deve verificar a inclinação para decidir se enfrentará subidas íngremes. Essa avaliação ajuda a escolher as marchas adequadas, a quantidade de suprimentos necessária e o preparo físico para completar o percurso.

Existem várias técnicas para calcular a altimetria. Aqui, destacaremos duas delas para que você possa explorar.

Vale lembrar que o ganho de elevação pode significar também uma redução, dependendo se o saldo é positivo (indicando mais subidas) ou negativo (indicando mais descidas desde o início do percurso).

Vamos aos métodos de cálculo!

Ganho altimétrico

O ganho altimétrico é a soma dos metros de cada subida da rota. Também conhecida como aclive acumulado, é calculada com a seguinte fórmula:

GA = S1 +S2 + S…

Sendo GA igual a ganho altimétrico, S1 a medida da subida número 1, S2 a medida da subida número e assim por diante. Todos os itens usam o metro como unidade de medida.

Essa informação permite comparar o grau de dificuldade do percurso com outros trajetos que usam o ganho altimétrico como referência. Assim, é possível que o ciclista, já com o conhecimento sobre a medida da altimetria, se prepare de forma direcionada. Também possibilita a escolha do caminho de acordo com o perfil do atleta.

Gradiente de inclinação

Depois de saber qual o ganho altimétrico do percurso, é comum que os ciclistas analisem o gradiente de inclinação das subidas. Esse índice representa em porcentagem o grau de inclinação de certo trecho.

O gradiente de inclinação é o resultado do total do ganho altimétrico dividido pela distância percorrida pelo ciclista. Assim, a fórmula para o cálculo é:

GI = (GA/DT) x 100

Sendo GI o gradiente de inclinação, medido em porcentagem, GA o ganho altimétrico e DT a distância percorrida, ambos medidos em metros.

Esse percentual refere-se ao ganho de altura vertical em uma subida. Dessa forma, quanto maior o valor do gradiente de inclinação, maior a altura final do trecho.

Agora que você já sabe como calcular a altimetria, conheça o Seguro Bike Registrada aqui. Assine agora mesmo e coloque sua magrela na rua!

 

 

Artigos relacionados
Bicicleta ElétricaPreparação e PráticaSaude e Bem-Estar

Benefícios para a saúde das bicicletas elétricas: Um guia completo

As bicicletas elétricas, ou e-bikes, estão se tornando cada vez mais populares em todo o mundo.
Leia mais
CriançasPreparação e PráticaSaude e Bem-Estar

Qual é a melhor bicicleta infantil? Confira 4 modelos incríveis

Para pais ciclistas, é o mais lógico querer compartilhar desde cedo com os filhos aquilo que dá…
Leia mais
AtletasEsporte e Fitness

Marconi Ribeiro: Um ciclista que inspira qualidade de vida e paixão

Atleta multifacetado e apaixonado por esportes, Marconi Ribeiro se destaca por sua ampla…
Leia mais

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *