NutriçãoPreparação e Prática

Beta alanina aumenta o desempenho no ciclismo. Entenda!

creatine powder vitamin and sports supplement concept over isolated background.

Ociclismo é uma modalidade de esporte que precisa de alta resistência, principalmente em campeonatos que duram horas. E por mais que seja considerado um esporte de média intensidade, existem momentos que demandam uma carga energética muito alta. E a beta alanina pode ajudar nisso.

E assim, é preciso resistir à fadiga e por diversos fatores, esse processo pode desgastar o seu mecanismo de ação muscular, sua energia, força e desempenho durante os percursos. Com isso, muitas pessoas optam por usar da Beta alanina.

Mas você sabe o que é essa substância e como ela age no corpo dos ciclistas? Se você ainda não conhece, veja nesse conteúdo tudo sobre e se ela realmente aumenta o desempenho no ciclismo.

Boa leitura!

O que é a Beta alanina?

Para começar, vamos entender melhor sobre o que é essa substância e como ela funciona. A Beta alanina é um aminoácido que é produzido naturalmente pelo nosso fígado. Ele o único do tipo beta produzido pelo nosso organismo.

E juntamente com o aminoácido L-histidina, formam a carnosina, substância que é capaz de reduzir a acidose, responsável pela fadiga muscular. Então, ela é responsável pelo retardo daquela sensação de queimação que surge ao corrermos em altas velocidades.

Ela pode ser ingerida também em alimentos que sejam ricos em proteínas e com a presença de dipeptídeos (anserina, balenina e carnosina), como por exemplo, as carnes bovinas e suínas, peixe ou até mesmo do frango.

Mas assim como outras substâncias, além de ser produzida no nosso corpo de forma natural, a Beta alanina também pode ser encontrada em pó, vendidas em lojas de suplementos principalmente.

E para que ela serve?

De acordo com estudos realizados até hoje mostram que esse suplemento contribui para as atividades físicas com alta intensidade e com uma curta duração, como por exemplo, as corridas de 100m até 1.500m ou até mesmo natações de 200m.

Isso porque, essas práticas de exercícios fazem com que os músculos fiquem exaustos, graças ao aumento da produção de aminoácidos.

Com isso, a beta alanina eleva os níveis da carnosina, responsável por modular o pH das células musculares, adianto a fadiga muscular de quem pratica e ajudando no desempenho do atleta.

Os benefícios para o seu corpo são diversos, como auxiliar no aumento da intensidade dos exercícios, ajuda no ganho de força, potencializando os treinos de hipertrofia ou emagrecimento.

Beta alanina

A Beta Alanina para os ciclistas

Como você já viu, essa substância beneficia os praticantes de exercícios com altas intensidades, melhorando o desempenho dos atletas. No caso do ciclismo, ela pode ajudar ainda mais, principalmente, em treinos e competições.

Sabe quando começa a sentir aquela sensação que os músculos estão queimando? E acaba desistindo por causa dessa “queimação”. É nesse momento que a beta alanina começa a agir, porque ela diminuirá essa sensação e ajudará você a concluir o pedal.

Além dos benefícios que já citamos, ela ajuda a reduzir ou até mesmo evitar a acidose muscular. Alguns estudos evidenciaram que evitando a fadiga, é possível prolongar a duração do seu sprint, sendo decisivo em vitórias nos campeonatos.

E claro, ela é primordial também para as recuperações dos desgastes musculares entre uma corrida e outra ou até mesmo de um treino ou outro.

Nos pré-treinos tradicionais utiliza-se esse aminoácido na composição, como forma de potencializar o desempenho. Então, a recomendação é que a consuma 30 minutos antes do seu treino.

E não somente no ciclismo existem benefícios, outras atividades como corrida, crossfit, musculação, lutas, futebol, entre outras.

De acordo com o COI (Comite Olímpico Internacional), a beta alanina é considerada uma substância padrão ouro e deve ser consumida 0,65mg por kg, dividido em 4 doses diárias.

Para melhor entendimento, suponhamos que um atleta que pese 90kg deverá tomar uma quantia de 5.85 (90*0,065 = 5,85mg). Mas atenção, de acordo com a Anvisa, a recomendação é tomar apenas 2mg ao dia.

Devo tomar a Beta Alanina?

Nos últimos anos, a procura por essa substância tem aumentado entre as pessoas que praticam alguma atividade esportiva. Até o momento, não há evidências no meio científico que comprovem algum risco ou prejuízo à sua saúde.

Mas, ainda sim, é preciso tomar um cuidado ao ingerir qualquer substância por conta própria. Por isso, antes de comprar e começar a usar, procure um médico especialista para que ele indique se você deve ou não tomar essa substância e qual a dosagem correta para o seu corpo.

A Beta Alanina possui efeitos colaterais?

Esse é uma das grandes preocupações de quem pretende começar a utilizar essa substância são os efeitos colaterais que podem causar.

De acordo com alguns usuários, após a ingestão, começam a apresentar uma sensação de formigamento ou coceira na pele, conhecida como parestesia.

Ela é um efeito adverso e surge através da ativação de alguns neurônios sensoriais e podem surgir em diversas partes do corpo, como mãos, pernas e até mesmo no rosto. Mas não se preocupe, esses efeitos costumam desparecer entre 30 a 45 minutos após o consumo.

E claro, não são todas as pessoas que apresentam os sintomas. Elas geralmente aparecem quando você ingerir uma dose mais concentrada ou no começo do protocolo de suplementação.

Quais os melhores suplementos para pedalar?

Existem diversos suplementos que podem auxiliar o seu desempenho no pedal, entre eles, a beta alanina, como você pode perceber no decorrer deste conteúdo.

Mas quais são os melhores suplementos para quem pedala? Separamos alguns que são bem importantes e auxiliam no seu dia a dia e podem complementar a beta alanina.

Lembrando que, todas as substâncias aqui apresentadas devem ser consultadas por um profissional capacitado.

Não recomendamos o consumo por conta própria.

Creatina

Uma ótima opção para o seu pré-treino e deseja muita energia durante o seu pedal. Ela é um elemento comum no nosso corpo e quando estão em baixa no nosso organismo, pode causar um desgaste maior das fibras musculares.

Por isso, é uma ótima opção para o fortalecimento delas e consequentemente, o ganho de massa muscular magra. Mas cuidado, se ingerido de maneira errada, pode causar danos aos rins, desidratação ou patologias durante a gravidez.

Suplementos em gel

Durante o pedal também é muito importante mantermos uma dieta balanceada, principalmente a hidratação para um bom desempenho.

Mas sabemos que no percurso é muito difícil ingerir algo muito pesado, por isso, a opção de suplementos em gel é ótima para você, pois a digestão é muito mais rápida e oferece mais disposição e força.

Geralmente, são encontrados em sachês de mais ou menos 30 gramas, contendo 100 calorias de maltodextrina e frutose.

Whey Protein

Por último, para a recomposição do organismo ao final de um longo trajeto, o Whey Protein é um dos suplementos mais famosos e utilizados em todo o mundo.

Sua composição ajuda demais na recuperação dos músculos e auxilia no ganho de massa muscular, enquanto e após um longo pedal;

Agora que você conhece um pouco mais sobre a beta alanina, sabe como funciona no seu corpo e alguns dos principais suplementos para te ajudar a um bom desempenho, não esqueça de fazer um acompanhamento com um nutricionista para entender melhor sobre sua dieta.

E aí, gostou do conteúdo? Deixe sua avaliação e comentário para nós!

Artigos relacionados
Bicicleta ElétricaPreparação e PráticaSaude e Bem-Estar

Benefícios para a saúde das bicicletas elétricas: Um guia completo

As bicicletas elétricas, ou e-bikes, estão se tornando cada vez mais populares em todo o mundo.
Leia mais
CriançasPreparação e PráticaSaude e Bem-Estar

Qual é a melhor bicicleta infantil? Confira 4 modelos incríveis

Para pais ciclistas, é o mais lógico querer compartilhar desde cedo com os filhos aquilo que dá…
Leia mais
Preparação e PráticaSaude e Bem-EstarTreinos

Ótimos exercícios para fortalecimento do joelho para ciclistas

Precisa de exercícios para fortalecimento do joelho? Manter o joelho saudável é essencial para…
Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *