Bicicleta ElétricaComponentesManutenção de Bike

Acelerador de bicicleta elétrica vs Pedal assistido: Entenda as diferenças

As bikes elétricas estão se tornando cada vez mais populares. Bonitas, práticas e versáteis, elas são ótimas substitutas dos carros e outros meios de transporte, ajudando a reduzir o impacto ambiental e a melhorar o trânsito nas cidades.

Se você está pensando em adquirir uma bike desse tipo, é importante entender melhor como funciona o acelerador bicicleta elétrica e o pedal assistido — já que as duas tecnologias podem estar presentes, dependendo do modelo.

Siga conosco!

Pedal Assistido

O pedal assistido (pedelec) é o item que distingue as bicicletas elétricas das tradicionais. Conforme você pedala, aciona o motor e isso lhe dá uma propulsão maior, sendo útil, especialmente, em percursos com subidas.

A potência dessa propulsão dependerá do modelo, alguns conseguem aumentar em 30% e outros em até 200%.

Alguns modelos têm uma gradação na assistência do pedal, variando entre:

  • baixa: fornece pouca assistência elétrica, então o ciclista terá que fazer mais força física para pedalar e, consequentemente, fará mais exercício;
  • média: é uma assistência equilibrada, com uma força mediana entre o que você precisa exercer no pedal e o quanto o motor lhe ajuda;
  • alta: é ideal para subidas ou para quando você precisa de mais velocidade, por exemplo para ir trabalhar sem suar demais. Nesse caso, o motor elétrico fornecerá mais potência e o seu esforço físico será menor.

O pedal assistido também pode ser encontrado de diferentes formas. Alguns funcionam por sensor de toque, medindo a quantidade de força que você está colocando nos pedais e aumentando ou reduzindo a assistência elétrica conforme a sua força de pedalada.

A vantagem é que este sistema proporciona uma sensação mais intuitiva, emulando muito bem a força do pedal. Normalmente, esse tipo de pedelec é encontrado nos modelos de bikes elétricas mais caros.

Também existe o sensor de cadência que fornece assistência elétrica quando as manivelas da bicicleta estão girando. Assim, o motor fornecerá apenas a assistência que você selecionou e não aumentará ou reduzirá a potência com base na força do seu pedal. Então mesmo que você esteja pedalando leve ou forte, o nível de assistência será o mesmo.

Independentemente do tipo do pedelec, todos funcionam de maneira mais ou menos semelhante: quando você começa a pedalar, o motor começa a agir, antes mesmo de você realizar uma rotação completa. Essa rapidez é muito útil para superar a inércia inicial de começar a pedalar.

acelerador de bicicleta elétrica

Acelerador Bicicleta Elétrica

O acelerador bicicleta elétrica pode estar presente em alguns modelos. Ele funciona de maneira semelhante ao acelerador de uma moto ou scooter, ou seja, quando você acionar o acelerador, o motor fornecerá potência e impulsionará a sua bicicleta para frente – sem que você tenha de pedalar.

A maioria dos aceleradores de bicicletas elétricas permite um ajuste preciso entre potência alta e baixa. Em alguns países, as bikes elétricas não podem ser comercializadas com o acelerador bicicleta elétrica porque senão elas seria equiparáveis às motos e teriam que entrar em regras de trânsitos específicas.

Você poderá encontrar alguns tipos diferentes de acelerador bicicleta elétrica, como:

  • acelerador de meia manopla, que é acionado quando você gira a manopla, de maneira semelhante aos aceleradores das motocicletas;
  • acelerador de pressão, que funciona quando a pá do acelerador é acionada para frente com o polegar do ciclista;
  • acelerador de polegar, é acionado pressionando um botão para frente com o polegar;
  • acelerador com botão liga-desliga, no qual não há como ajustar a potência.

Acelerador bicicleta elétrica + Pedelec

Algumas bikes são equipadas com as duas funções, ou seja, contam tanto com o acelerador bicicleta elétrica, como o Pedelec.

Nesse caso, você poderá optar em como deseja operar a magrela, no modo de assistência de pedal, continuando pedalando e recebendo um impulso do motor elétrico, ou apenas no acelerador.

Legislação Brasileira

No Brasil, a Resolução nº 465/2013, do Contran, prevê que a bicicleta elétrica com Pedelec não deve exceder a velocidade de 25 km/h e precisa ter uma bateria de até 350 W. Nesses casos, ela fica isenta de cobranças como DPVTA (Seguro Obrigatório) e IPVA.

Já quando há a presença do acelerador bicicleta elétrica, a bike passa a ser enquadrada como ciclomotor e exige Carteira de Habilitação categoria A do ciclista, emplacamento e recolhimento dos tributos.

O crescimento das bicicletas elétricas e suas modalidades

O crescimento das bicicletas elétricas está proporcionando uma grande variedade de modalidades. Cada vez mais pessoas estão optando pelas versões elétricas por causa da excelente experiência de condução.

As principais modalidades são a acelerador de bicicleta elétrica e o pedal assistido. Aqui, explicaremos as principais diferenças entre essas duas opções para que você possa decidir melhor qual delas combina mais com seu estilo de vida.

A primeira diferença está no seu sistema. Enquanto o acelerador de bicicleta elétrica conta com um sistema de controle de velocidade, o pedal assistido é alimentado por um sistema de motores elétricos acionados por pedais.

A versão com acelerador de bicicleta elétrica opera com um sistema de liga/desliga, que funciona de maneira semelhante a um acelerador (daí o seu nome). Já o pedal assistido, como o próprio nome sugere, alimenta os pedais quando você os pressiona, o que ajuda a impulsionar você para cima da colina.

Outra diferença significativa é a maneira como o motor é alimentado. A acelerador de bicicleta elétrica geralmente possui uma bateria maior e mais pesada que as bicicletas com pedal assistido, o que significa que você consegue pedalar por mais tempo.

Por outro lado, o pedal assistido tem uma bateria mais leve e menor, o que significa que você pode ganhar apenas alguns minutos extras em relação às bicicletas elétricas regulares.

A bateria é o componente mais importante de uma bicicleta elétrica, e cada um desses sistemas usa uma tecnologia diferente para alimentar o motor.

O acelerador de bicicleta elétrica geralmente usa uma bateria de iões de lítio que pode durar de 6 a 8 horas de operação, enquanto o pedal assistido usa uma bateria de níquel-cádmio, que dura cerca de 3 horas de uso.

Ambos os sistemas também oferecem um sistema de assistência. O acelerador de bicicleta elétrica geralmente oferece três níveis de assistência, enquanto o pedal assistido geralmente oferece cinco níveis diferentes. Com as duas modalidades, você tem a opção de escolher o nível de assistência certo para o seu tipo de terreno e condições climáticas.

No geral, o acelerador de bicicleta elétrica e o pedal assistido são duas excelentes opções de bicicletas elétricas. Cada um dos sistemas oferece uma experiência de condução diferente e cada um oferece a vantagem de usar uma bateria diferente que pode oferecer um uso mais prolongado. Você terá que decidir qual sistema combina melhor com seu estilo de vida antes de escolher um.

Acelerador de bicicleta elétrica

Velocidade e controle: comparando o uso do acelerador e do pedal assistido

Muitas pessoas confundem o acelerador de bicicleta elétrica e o pedal assistido – e veem os dois como a mesma coisa. No entanto, existem diferenças importantes entre os dois tipos de bicicleta elétrica que vale a pena conhecer.

O acelerador de bicicleta elétrica e o pedal assistido têm diferentes modos de operação que afetam a velocidade e o controle sobre a bicicleta.

O acelerador de bicicleta elétrica, como o nome sugere, pressionar o acelerador e a bicicleta acelera.

O pedal assistido, por outro lado, fornece assistência à pedalada. A velocidade de uma bicicleta elétrica com acelerador depende unicamente do uso do acelerador, enquanto que a velocidade de um pedal assistido depende da força que o passageiro faz usando os pedais.

As bicicletas elétricas com acelerador permitem maior controle de velocidade e mais autonomia de condução, enquanto que as bicicletas com pedal assistido possuem mais aceleração e controle paramétrico para configurar a potência do motor da bicicleta.

Se você está procurando por uma bicicleta elétrica que ofereça maior velocidade e controle, você deve optar pelo uso do acelerador de bicicleta elétrica.

Se você está procurando por uma experiência de pedalada assistida e maior aceleração, então o pedal assistido deve ser sua escolha. Independentemente de qual opção você escolher, você terá os benefícios da bicicleta elétrica para se locomover sem usar combustível fóssil.

Acelerador de bicicleta elétrica

Experiência de pilotagem: sensação de aceleração com o acelerador vs. apoio no pedal

A sensação de aceleração de uma bicicleta elétrica pode variar dependendo do sistema de acelerador que você usa. Se você pilotar uma bicicleta elétrica com acelerador, você se sentirá como se estivesse na carona de uma moto.

Você pode usar a alavanca de aceleração e alcançar até 27 km/h de forma muito rápida. Esse acelerador oferece a você uma experiência imersiva de aceleração para atravessar as ruas. Por outro lado, as bicicletas elétricas com pedal assistido responderão à força que você coloca nos pedais, oferecendo-lhe uma experiência de pilotagem muito mais relaxante.

A força motora adicionada aos pedais simplesmente fornecerá impulso extra, permitindo-lhe montar mais longe e mais rápido do que se você só usasse energia humana. Se você é novo nesse campo, um acelerador de bicicleta elétrica é ótimo para começar, enquanto o pedal assistido oferece uma experiência mais suave de aceleração.

A questão do exercício físico: qual modalidade oferece mais esforço?

Os meios de transporte modernos vêm tomando conta das cidades ao redor do mundo. Mas quando se trata de praticar exercício, será que qualquer um destes meios de transporte é realmente uma opção? As bicicletas elétricas são um meio de transporte que pode oferecer a combinação perfeita entre conforto e exercício físico.

Existem basicamente dois tipos de bicicletas elétricas: o acelerador elétrico e o pedal assistido. O acelerador elétrico funciona quando você inicia a pedalada com o motor elétrico e, a partir daí, usa a potência do motor para impulsionar a bicicleta.

Já o pedal assistido usa o motor elétrico como composto de suporte, ou seja, o motor auxilia enquanto há um movimento de pedalada. Porém, isso não significa que o mesmo não possa ser usado para obter distâncias maiores.

Ao contrário do acelerador elétrico, que gera um baixo esforço físico, o pedal assistido tem a capacidade de aumentar a intensidade do esforço de acordo com o nível de assistência escolhido. Assim, o pedal assistido pode oferecer um ganho de resistência física e ser usado tanto para realizar o trajeto de pequenas ou grandes distâncias.

Porém, é preciso lembrar de que, para obter os melhores resultados para cada um dos meios de transporte, é importante estar ciente de que, devido à diferença na potência do motor, as duas opções têm usos distintos.

Enquanto o acelerador elétrico permite um maior alcance em menor esforço, o pedal assistido é ótimo para quem busca um ganho de resistência física. Ao escolher entre o acelerador de bicicleta elétrica e pedal assistido, você terá a oportunidade de escolher o meio de transporte que se adaptará melhor às suas necessidades físicas e de transporte.

Qual o melhor modelo de bicicleta elétrica?

Tudo depende das suas características, necessidades e exigências enquanto ciclista. Se você deseja ter a opção de não pedalar, por exemplo para quem realiza trajetos mais complicados ou não deseja chegar muito suado no trabalho, a opção de acelerador bicicleta elétrica é fundamental.

Porém, se você curte pedalar e deseja ter uma bike elétrica mais intuitiva, o ideal é optar pelos modelos com Pedelec (o que também é vantajoso para quem deseja fugir dos impostos ou não tem carteira de motorista).

E, para quem tem ambas as necessidades, nada melhor do que as bikes que contam com as duas alternativas, dando ao ciclista mais liberdade de escolha.

De qualquer forma, quando for optar, prefira os modelos em que você possa definir a potência da bateria (baixa, média ou alta) e visualizá-la diretamente no painel. Assim, será mais fácil gerenciar o consumo de energia.

Outros pontos a analisar

Além da aceleração, quando você for comprar uma bicicleta elétrica, é claro, deve analisar outros pontos importantes.

Bateria

A bateria de íons de lítio é a mais indicada, já que estes modelos são mais leves, duráveis, não viciam e suportam entre 200 e 1000 recargas. Avalie ainda o tempo de carga e de autonomia da bateria. Se o tempo de carga for maior do que seis horas, e a autonomia for de baixa quilometragem, isso poderá atrapalhar seus pedais.

Painel ou Visor

Fundamental para qualquer bicicleta elétrica, por isso vários modelos já contam com esse item de fábrica (mas outros ainda não, podendo ser realizada a adaptação). A peça costuma ficar na mesa ou no guidão e permite o ciclista visualizar o nível de bateria, a potência usada e a velocidade da bicicleta.

Garantia

Analise a resistência do sistema para chuvas e calor extremo, além do prazo de garantia oferecido pelo fabricante. Confira, ainda, se há assistência técnica de fácil acesso para manutenções na parte elétrica e se é possível comprar uma nova bateria ou peças de reposição.

Gostou deste conteúdo? Já sabe tudo sobre acelerador bicicleta elétrica? Aproveite para se increver na nossa Newsletter, e ficar por dentro de todas as novidades e dicas sobre o mundo do pedal.

Artigos relacionados
Bicicleta ElétricaDicas

Guia para investir em uma bicicleta elétrica em São Paulo

Viajar de bicicleta é uma ótima maneira de economizar dinheiro no transporte e melhorar sua…
Leia mais
Manutenção de Bike

Como saber o aro da bicicleta?

Como saber o aro da bicicleta? Se você não tiver certeza, não se preocupe: aqui vamos explicar…
Leia mais
Componentes

Pneus de bicicleta de MTB: Como escolher o melhor para o seu estilo de pedal

Os pneus de bicicleta de MTB são a interface entre a bicicleta e a trilha. Escolher os melhores…
Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *