MTB

Guia completo da bicicleta MTB: peças, componentes e mais

Bicicletas para trilhas (MTB) e bicicletas para asfalto (Speed) são projetadas com finalidades distintas em mente, possuindo atributos específicos que as tornam adequadas para diferentes modalidades de ciclismo. Neste guia completo, vamos mergulhar nas particularidades desses tipos de bicicletas, facilitando a escolha da opção mais adequada para seu perfil e maneira de pedalar.

Da análise comparativa entre MTB e Speed até um aprofundamento nos componentes e versões de MTBs, este texto abarca todas as informações essenciais para uma escolha bem fundamentada.

Ciclista masculina andando de bicicleta nas montanhas

1. MTB ou Speed, o que é melhor para mim?

A decisão entre optar por uma bicicleta de montanha (MTB) ou uma de estrada (Speed) gira em torno do tipo de terreno em que você pretende pedalar e das suas preferências individuais como ciclista.

Bicicletas de Estrada (Speed):

  • Agilidade e Desempenho: Sobressaem em vias asfaltadas, proporcionando agilidade e desempenho devido ao seu design otimizado para cortar o vento, sua leveza e a configuração de marchas voltadas para alta velocidade. Podem ser até 15-30% mais velozes que as MTBs em superfícies planas.
  • Postura de Pilotagem: Oferecem uma postura de pilotagem encurvada e aerodinâmica, fundamental para atingir e manter velocidades elevadas.

Close-up de uma mulher ciclista ao ar livre

Bicicletas de Montanha (MTB):

  • Adaptação a Terrenos Irregulares: Criadas para enfrentar terrenos acidentados e trilhas, as MTBs garantem estabilidade e domínio. São perfeitas para explorar trilhas, caminhos pedregosos e terrenos variados.
  • Guidões e Pneus: Equipadas com guidões retos que promovem estabilidade e pneus grossos que proporcionam maior tração e amortecimento em superfícies irregulares.

Ao decidir entre uma MTB e uma Speed, leve em consideração o ambiente e a maneira como deseja pedalar. Se seu coração bate mais forte pelas vias asfaltadas e a busca por velocidade, a bicicleta de estrada é a escolha acertada. Já para aventuras em trilhas e terrenos desafiadores, a MTB se mostra mais adequada.

>>> Leia o artigo completo MTB ou speed: qual é a ideal para você?

2. Bicicleta de Montanha (MTB) – Especialidades do Ciclismo Off-Road

Características de uma Bicicleta de Montanha (MTB)

As Bicicletas de Montanha, também referidas pela sigla MTB (Mountain Bikes), são cuidadosamente elaboradas para enfrentar trilhas e terrenos desafiadores. Elas se distinguem das bicicletas de estrada em diversos aspectos chave:

  • Estrutura Reforçada: Contam com uma estrutura mais resistente, projetada para suportar os impactos característicos de superfícies irregulares.
  • Sistema de Suspensão: Equipadas com sistemas de suspensão que amortecem vibrações, disponíveis nas versões de suspensão dianteira (hardtail) e suspensão integral (full suspension) para maior conforto e controle.
  • Pneus Volumosos e Texturizados: Apresentam pneus mais volumosos e com textura de cravos salientes, proporcionando excepcional tração e estabilidade em superfícies soltas ou irregulares.

Tamanho das rodas no MTB

Dimensão das Rodas em MTBs:

Uma Escolha Determinante A dimensão das rodas é um elemento crucial na seleção de uma bicicleta de montanha (MTB), impactando significativamente tanto o desempenho quanto a sensação ao pedalar.

26 Polegadas: Estas rodas, que foram padrão nas MTBs, destacam-se por sua agilidade e peso reduzido. Perfeitas para manobras ágeis, saltos e para ciclistas de estatura mais baixa ou jovens.

27.5 Polegadas (650B): Oferecem um meio-termo perfeito entre agilidade para manobrar e habilidade para transpor obstáculos. Essas rodas garantem aceleração rápida e se adaptam bem a trilhas sinuosas, tornando-se uma opção favorita para práticas de all-mountain e enduro.

29 Polegadas (29ers): Com seu diâmetro maior, estas rodas preservam a velocidade e asseguram uma condução mais fluida em terrenos irregulares. São a opção preferida de ciclistas de cross-country que buscam eficiência e facilidade para superar desafios no caminho, embora ofereçam menor agilidade em trilhas estreitas e técnicas.

Rodas Plus-Size (2.8-3.0 polegadas): Proporcionam excepcional aderência e conforto em superfícies irregulares. Seus pneus mais largos aumentam o contato com o solo, melhorando significativamente a tração e estabilidade, sobretudo em superfícies soltas ou escorregadias.

Modelos de bicicletas MTB

Considerações na Escolha:

  • Orçamento: Seu orçamento é um fator crucial. Modelos de entrada são mais acessíveis, enquanto modelos avançados podem ser bastante caros.
  • Estilo de Pilotagem: Considere seu estilo de pilotagem e o tipo de terreno que você frequentará. Modelos mais avançados são melhores para trilhas técnicas e corridas, enquanto modelos de entrada e intermediários são adequados para trilhas mais leves e ciclismo recreativo.
  • Crescimento e Evolução: Pense em como você planeja evoluir no esporte. Iniciantes podem começar com modelos mais simples, mas à medida que suas habilidades melhoram, pode ser necessário atualizar para um modelo mais avançado.

Modelos para iniciantes

  • Design e Características: As bicicletas MTB para iniciantes são projetadas com foco na durabilidade e conforto. Geralmente, possuem suspensão dianteira (hardtail) e são construídas com materiais mais acessíveis, como o alumínio.
  • Uso Recomendado: Perfeitas para quem está começando no ciclismo de montanha, estas bicicletas são ideais para trilhas leves a moderadas e podem ser usadas para se familiarizar com terrenos variados.

Modelos intermediários

  • Aprimoramentos Técnicos: Estes modelos começam a incorporar recursos avançados, como suspensão total (full suspension), melhor transmissão e componentes mais leves. O design pode incluir geometrias mais agressivas para um melhor desempenho em trilhas.
  • Uso Recomendado: São adequadas para ciclistas que já têm alguma experiência e procuram melhorar suas habilidades em terrenos mais desafiadores, incluindo trilhas técnicas e terrenos acidentados.

Modelos avançados

  • Tecnologia de Ponta: Estes modelos de alto desempenho são construídos com materiais de alta qualidade, como fibra de carbono, e possuem os melhores componentes disponíveis. Eles oferecem suspensão aprimorada, sistemas de transmissão avançados e são significativamente mais leves.
  • Uso Recomendado: Destinados a ciclistas experientes, estes modelos são ideais para competições e trilhas extremamente técnicas, oferecendo o melhor desempenho e eficiência.

Melhores marcas de bicicletas MTB

Na seleção de uma bicicleta de montanha (MTB), a marca é um fator crucial que pode afetar a qualidade, durabilidade e avanços tecnológicos da bicicleta. Algumas marcas renomadas no universo do MTB incluem:

  • Specialized: Conhecida por sua liderança em inovação e excelência de fabricação, a Specialized disponibiliza uma vasta seleção de MTBs, abrangendo desde modelos iniciantes até aqueles voltados para competidores de elite.
  • Trek: Figurando entre as gigantes do setor de bicicletas, a Trek destaca-se pela sua tecnologia avançada e diversidade de modelos, atendendo a ciclistas de todas as capacidades.
  • Giant: Com uma ótima relação de custo-benefício, a Giant é elogiada por produzir bicicletas robustas e fiáveis, sendo uma opção viável tanto para novatos quanto para entusiastas experientes.
  • Santa Cruz: Prestigiada por suas bicicletas de superior qualidade e designs pioneiros, a Santa Cruz é frequentemente a marca de preferência de muitos aficionados por MTB.
  • Cannondale: Inovadora por natureza, especialmente por meio do seu sistema de suspensão Lefty, a Cannondale é produtora de MTBs que se destacam tanto pela avançada tecnologia quanto pelo impacto visual.
  • Scott: Marcando forte presença tanto no ciclismo de montanha quanto no de estrada, a Scott traz ao mercado MTBs que aliam estética contemporânea à tecnologia de vanguarda.

Material do quadro na bike MTB

Cada material de quadro oferece diferentes benefícios, e a escolha entre alumínio e fibra de carbono depende das suas necessidades, estilo de pilotagem e orçamento.

Quadro de MTB em Alumínio:

Propriedades: O alumínio é amplamente escolhido para quadros de bicicletas de montanha pela sua mistura ideal de leveza, resistência e preço acessível, tornando-se uma opção atrativa tanto para novatos quanto para ciclistas de nível intermediário.

Benefícios: Esses quadros entregam uma excelente harmonia entre firmeza e capacidade de amortecimento de impactos, assegurando um pedal confortável em diversas superfícies.

>>> Leia nosso artigo completo: Aço, carbono ou alumínio: qual é o melhor?

Quadro de MTB em Fibra de Carbono:

Propriedades: Distinta por sua excepcional leveza e rigidez, a fibra de carbono é preferida para a montagem de bicicletas MTB de alta performance.

Benefícios: Quadros feitos de fibra de carbono oferecem uma transferência de energia notavelmente eficaz, além de serem surpreendentemente leves, adequados para competições e ciclistas de nível avançado.

>>> Leia também: Como escolher tamanho do quadro ideal para a sua bike

Peças e componentes de uma bike MTB

O Sistema de Transmissão em uma Bicicleta MTB:

A transmissão é o mecanismo responsável por impulsionar a bicicleta, composto por elementos como o pedivela, a corrente, o cassete e os câmbios.

  • Pedivela: É a peça à qual os pedais são acoplados, apresentando variações em seu comprimento e no número de coroas disponíveis.
  • Cassete: Posicionado na roda traseira, o cassete abriga engrenagens de diversos tamanhos, permitindo ajustar a resistência durante o pedal.
  • Câmbios: Essenciais para a alteração das marchas, dividem-se em câmbios dianteiros e traseiros, que facilitam o movimento da corrente entre as coroas ou engrenagens distintas.

Relação de Marchas/Velocidades

A configuração das marchas é crucial para otimizar o desempenho do pedal em variados tipos de terreno. Dispondo de uma ampla seleção de marchas, o ciclista pode facilmente ajustar-se tanto às subidas acentuadas quanto às descidas velozes.

Trocadores de marcha MTB

Localizados no guidão, permitem ao ciclista trocar de marchas. Existem diferentes tipos, como alavancas de gatilho ou manípulos rotativos.

Sistema de freios para MTB

  • Freio Ferradura: Mais comum em bicicletas de estrada, mas menos eficaz em condições lamacentas ou trilhas molhadas.
  • Freio a Disco Hidráulico: Oferecem maior poder de frenagem e são mais consistentes em diferentes condições climáticas. São o padrão em MTBs modernas.

Rodas e pneus MTB

  • Rodas: Podem variar em tamanho e material, influenciando o peso e a durabilidade da bicicleta.
  • Pneus: Escolher o pneu certo é crucial para o desempenho na MTB. Pneus com cravos mais grossos oferecem melhor aderência em terrenos acidentados.

Câmbio dianteiro de MTB

O câmbio dianteiro de uma bicicleta MTB é um componente que gerencia a troca de marchas entre as diferentes coroas na pedivela. Sua função principal é guiar a corrente de uma coroa para outra, permitindo ao ciclista ajustar a relação de marchas de acordo com o terreno.

Características Importantes:

  • Compatibilidade: É essencial que seja compatível com a quantidade de coroas do pedivela e com o método de acionamento, seja ele por cabo ou eletrônico.
  • Ajuste: O correto ajuste do câmbio dianteiro é fundamental para assegurar mudanças de marcha precisas e evitar que a corrente desengate ou se prenda.
  • Tipos: Há diversos modelos, como montagem direta, tradicional e E-type, cada um apresentando particularidades distintas de instalação e regulagem.

Pedivela para MTB

O pedivela é a parte da bicicleta onde os pedais são fixados. Ele é conectado ao eixo do movimento central e às coroas, sendo um componente chave na transmissão de força do ciclista para a bicicleta.

Aspectos Importantes:

  • Material: Comumente produzidos em alumínio ou fibra de carbono, os quais diferem em termos de peso e longevidade.
  • Número de Coroas: A quantidade de coroas pode oscilar de uma a três, a depender da modalidade de MTB praticada e do estilo de condução.
  • Comprimento: O tamanho do pedivela tem impacto na alavancagem e no rendimento do pedalar. A seleção adequada deve considerar a estatura do ciclista e a ergonomia pretendida.

Câmbio traseiro de mtb

O câmbio traseiro é responsável por mover a corrente entre as diferentes engrenagens no cassete traseiro. É um componente vital para o desempenho da bicicleta, impactando diretamente na suavidade e precisão das mudanças de marchas.

Características Importantes:

  • Capacidade de Engrenagens: Deve ser compatível com o número de engrenagens no cassete.
  • Tipos de Montagem: Inclui montagem direta e tradicional, cada uma compatível com diferentes configurações de quadro.
  • Tecnologias: Alguns modelos avançados incluem tecnologias como sistemas de embreagem para reduzir o impacto da corrente e melhorar a estabilidade.

Cada um desses componentes desempenha um papel crucial na experiência de ciclismo de montanha, influenciando a eficiência, o conforto e o controle da bicicleta em diversos terrenos. A escolha adequada desses componentes é essencial para garantir o melhor desempenho da sua bicicleta MTB.

Cassete para mtb

O cassete é um componente fundamental na transmissão de uma bicicleta MTB, localizado na roda traseira. Consiste em um conjunto de engrenagens de diferentes tamanhos, que permitem ao ciclista ajustar a resistência da pedalada de acordo com as condições do terreno.

Aspectos Importantes:

  • Variedade de Engrenagens: Um cassete com uma ampla variedade de engrenagens oferece mais opções para ajustar a pedalada, essencial para enfrentar subidas íngremes e descidas rápidas.
  • Compatibilidade: Deve ser compatível com o câmbio traseiro e a corrente da bicicleta.
  • Material: Feitos geralmente de aço ou uma mistura de aço e alumínio, variando em peso e durabilidade.

Corrente para MTB

A corrente é o componente que transmite a força da pedalada do pedivela para o cassete, impulsionando a bicicleta. É essencial para o funcionamento eficiente da transmissão.

Características Importantes:

  • Resistência e Durabilidade: Correntes de qualidade são projetadas para resistir ao estresse de terrenos acidentados e mudanças frequentes de marchas.
  • Compatibilidade: Deve ser compatível com o número de marchas da bicicleta e o tipo de transmissão.
  • Manutenção: A corrente requer manutenção regular, incluindo limpeza e lubrificação, para garantir desempenho e longevidade.

Pedal para MTB

Os pedais são um ponto de contato crucial entre o ciclista e a bicicleta, influenciando a eficiência da pedalada e o controle.

Tipos de Pedais:

  • Plataforma: Oferecem uma superfície ampla para suporte, ideais para iniciantes ou para trilhas técnicas onde frequentemente se tira os pés dos pedais.
  • Clipless (SPD): Permitem que os sapatos do ciclista se prendam aos pedais, oferecendo uma transferência de energia mais eficiente. São preferidos por muitos ciclistas de MTB avançados e profissionais.

Sistema de Freios para MTB

O sistema de freios é vital para a segurança e controle da bicicleta em diferentes terrenos.

Tipos de Freios:

  • Freio Ferradura: Menos comuns em MTBs modernas, são mais adequados para bicicletas de estrada.
  • Freio a Disco: Tornaram-se o padrão em MTBs, oferecendo maior poder de frenagem e desempenho consistente em condições variadas. Existem dois tipos principais: mecânicos e hidráulicos, sendo os hidráulicos geralmente preferidos por sua maior eficiência e menor necessidade de ajustes.

Manetes de freio para MTB

Manetes de freio são a interface entre o ciclista e o sistema de freios da bicicleta. Eles permitem ao ciclista controlar a força de frenagem e são essenciais para a segurança.

Características:

  • Ergonomia: Devem ser confortáveis e facilmente acessíveis para permitir um controle efetivo durante a pilotagem.
  • Ajustabilidade: Alguns modelos permitem ajustes para acomodar diferentes tamanhos de mãos ou preferências de alcance.

Freio ferradura, o mais utilizado

O freio ferradura, mais comumente utilizado em bicicletas de estrada, é conhecido por sua simplicidade e eficácia em condições secas.

Características:

  • Design: Consiste em duas almofadas que se movem para apertar o aro da roda, proporcionando a frenagem.
  • Uso: Mais eficientes em superfícies secas e limpas; podem ter desempenho reduzido em condições lamacentas ou molhadas.

Freio a disco hidráulico

Os freios a disco hidráulicos são amplamente usados em bicicletas MTB devido à sua potência e confiabilidade em diversas condições.

Características:

  • Mecanismo: Utilizam fluido hidráulico para mover as pastilhas de freio, proporcionando uma frenagem mais forte e consistente.
  • Vantagens: Excelente desempenho em condições variadas, incluindo chuva e lama, e requerem menos força nas manetes para uma frenagem eficaz.

Pneus de ciclismo mtb

Os pneus são componentes cruciais em uma bicicleta MTB, influenciando diretamente a aderência, controle e conforto em terrenos variados.

Características:

  • Tread (Piso): Pneus de MTB possuem cravos proeminentes para melhor tração em terrenos soltos ou lamacentos.
  • Largura: A largura varia, com pneus mais largos proporcionando maior aderência e absorção de choque, ideais para terrenos acidentados.
  • Pressão: A pressão dos pneus pode ser ajustada para melhorar a tração ou eficiência, dependendo do terreno.

Selim de mtb

O selim é um dos três pontos de contato entre o ciclista e a bicicleta, desempenhando um papel vital no conforto durante longos passeios.

Considerações ao Escolher um Selim:

  • Conforto: Deve ser confortável para longas horas de pedalada, com um equilíbrio entre suporte e amortecimento.
  • Ergonomia: A forma e o tamanho do selim devem se alinhar à anatomia do ciclista para evitar desconforto ou lesões.
  • Materiais: Selins podem ser feitos de diferentes materiais, incluindo espumas e géis para amortecimento, e coberturas de couro ou sintéticas para durabilidade.

O tamanho da bike de mtb deve influenciar na minha compra?

A escolha do tamanho correto da bicicleta MTB é vital para assegurar conforto, otimizar a eficácia do pedalar e evitar lesões. As bicicletas de montanha são tipicamente oferecidas em tamanhos padrão (Pequeno, Médio, Grande), alinhados à altura do ciclista. A maioria dos fabricantes fornece guias de tamanho, especificando o intervalo de altura adequado para cada tamanho de quadro. Caso você se encontre na dúvida entre dois tamanhos, optar pelo menor é geralmente a decisão mais acertada, já que ajustes adicionais são mais facilmente realizáveis em quadros menores do que em um demasiadamente grande.

Homem desportivo positivo segurando a bicicleta de montanha amarela na cabeça.

Além da estatura, aspectos geométricos da bicicleta, como o comprimento efetivo do tubo superior, alcance, altura do tubo superior e ângulo do tubo do selim, são cruciais para um ajuste perfeito. O alcance, em particular, influencia a sensação da bicicleta quando você está fora do selim, uma posição frequente ao enfrentar subidas ou descidas íngremes em trilhas. A altura do tubo superior é essencial para proporcionar espaço adequado para uma desmontagem ágil da bicicleta em situações de necessidade.

Na hesitação entre um tamanho maior e um menor, leve em consideração sua flexibilidade, a relação entre o comprimento das pernas e do torso, além do seu estilo de pilotagem. Quadros maiores oferecem maior estabilidade em terrenos desafiadores, mas podem perder em agilidade. Em contraste, quadros menores favorecem a manobrabilidade, porém podem comprometer o conforto em trajetos longos ou ascensões íngremes.

Se mesmo após avaliar todos esses elementos, o tamanho não parecer o ideal, é possível realizar ajustes, como modificar a posição do selim, alterar a mesa do guidão ou ajustar a altura do guidão para aprimorar o encaixe.

Para determinar com maior exatidão o tamanho ideal de sua MTB, a consulta a tabelas de tamanho de fabricantes específicos ou uma visita a uma loja especializada para experimentar diferentes modelos e obter um ajuste profissional é altamente recomendada.

Seguro Bike Registrada para Bicicleta MTB

Adquirir uma bicicleta MTB de alta qualidade é somente o primeiro passo para assegurar aventuras memoráveis nas trilhas. Mas, igualmente essencial é a proteção desse valioso investimento. Aqui, o Seguro Bike Registrada se apresenta como a escolha perfeita para ciclistas em busca de tranquilidade e proteção para suas preciosas bikes.

O seguro destinado a bicicletas de montanha, tal como o oferecido pela Bike Registrada, abrange uma ampla variedade de situações que qualquer ciclista pode vir a enfrentar, incluindo roubos, danos e acidentes. Possuir um seguro confiável permite que você se dedique inteiramente à sua paixão pelo ciclismo, com a certeza de que sua bicicleta está seguramente protegida. Isso é particularmente crucial para bicicletas MTB, considerando o desafio dos terrenos e as condições frequentemente imprevistas das trilhas.

Além de mitigar perdas financeiras, o seguro Bike Registrada ainda pode fornecer assistência em casos de defeitos ou quando são necessários reparos emergenciais, assegurando que você não seja privado da sua bicicleta por períodos extensos. Optar por um seguro para sua MTB é, sem dúvida, uma medida prudente, trazendo tranquilidade para que você aproveite ao máximo suas jornadas ciclísticas.

A aventura do ciclismo de montanha vem recheada de emoções e desafios, mas também exige cautela e proteção. O Seguro Bike Registrada para bicicletas MTB é indispensável para os ciclistas que priorizam a segurança e a durabilidade de seus equipamentos.

Tendo a cobertura apropriada, você pode se aventurar por trilhas e terrenos exigentes com a certeza de que seu investimento está protegido, possibilitando que você desfrute de cada momento sobre duas rodas ao máximo.

Evite que imprevistos cortem o ritmo de sua aventura. Garanta a segurança de sua bicicleta MTB com o Seguro Bike Registrada. Assine já e pedale com a máxima tranquilidade!

 

Artigos relacionados
Esporte e FitnessMTB

Dominando as trilhas: Técnicas de pilotagem para MTB

Cada pedalada é uma mistura de adrenalina, liberdade e, claro, o desafio de dominar o terreno.
Leia mais
MTBNutriçãoPreparação e Prática

Energia para pedalar: Dicas essenciais de alimentação e hidratação para o MTB

A alimentação correta é o alicerce para qualquer ciclista de MTB que deseje melhorar seu…
Leia mais
Classificados Bike RegistradaEsporte e FitnessMTB

Classificados de bikes MTB e outras modalidade

Atualmente, podemos abrir um jornal, um site especializado, alguma revista digital ou física e…
Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *